Relação entre Hapki-do, Acupuntura e Quiropraxia


Relação entre Hapki-do, Acupuntura e Quiropraxia

Song Un Kim - CRT 23108 - Terapeuta Holístico

Índice

Resumo

Introdução.

Material e Metodologia

Acupuntura

Discussão.

Conclusão.

Bibliografia. 
 

Resumo 

Relação entre Hapki-do, Acupuntura e Quiropraxia. 

  Hapki-do e uma luta Arte Marcial Milenar Coreana que utiliza pontos de Acupuntura para neutralizar os seus oponentes, também utiliza os mesmos pontos para tratar o desequilíbrio da energia utilizando vários métodos como: Acupuntura Sistêmica, Acupuntura Auricular, Quiro-Acupuntura, Quiropraxia (ajuste e realinhamento da coluna  e das articulações superiores ou inferiores e sua biomecânica comprometida), Moxa, Ventosa  e Terapia  Corporal como massagem.

E uma luta muito violenta e ao mesmo tempo muito delicada porque se atingir algum ponto de acupuntura com certa violência pode paralisar ou até causar traumas irreversíveis.

Os Coreanos encaram o Hapki-do e acupuntura na sua cultura tradicional, com muita naturalidade, pois faz parte do costume e folclore trazidos por gerações e gerações através de milhares de anos.

Quando alguém se machucava ou tinha algum problema de saúde, eles procuravam ajuda aos mestres de Artes Marciais, principalmente de Hapki-do. 

 
 

Introdução 

A Relação entre Hapki-do, Acupuntura e Quiropraxia.

O tema escolhido para holísticas 2009 foi demonstrar na pratica a relação de Hapki-do com as terapias orientais como Acupunturas, Terapia Corporal, Quiropraxia (ajuste e realinhamento da coluna  e das articulações superiores ou inferiores e sua biomecânica comprometida).

Realizei vários cursos de acupuntura e massagem com grandes Mestres internacionais nas Artes de Hapki-do.

Pode observar e aprender várias técnicas de manobras e alongamentos de Quiropraxia utilizadas por eles nos atletas em campeonatos. 

E também pelo fato de estar engajado em vários trabalhos sociais há muito tempo e com mais de 9000 clientes na carteira e trabalhando em varias entidades como Delegacia Geral, Delegacia da Mulher, Receita Federal, APROFEM (Sindicato dos Funcionários e professores Municipais de São Paulo),e neste ano começou a ser preparados em Hapki-do as Forças Armadas Brasileiras e Academia Kim. Observei que podemos ajudar na qualidade de vida e diminuindo sofrimentos físicos e emocionais.  
 

Material e Metodologia 

 

Há aproximadamente 4.500 anos, quando as pessoas começavam a viver em grupos, já  existiam sinais de defesa instintiva necessária para a sobrevivência, ir, defender e contra-atacar para proteger a si próprio e aos outros. Isso pode ser constatado pelos sinais deixados em cavernas da China e da Coréia.

Antigamente, a região da Coréia era dividida em três partes, entre elas a civilização SIN-LA que era a mais adiantada das três, por isso, foi lá onde começou uma infiltração cultural de origem Budista.

O SIN-LA era liderado pelo general KIM YU SIN que formou um grupo chamado HWA RANG-DO, que tinha por finalidade unir as três partes.

O HWA RANG-DO era um grupo de jovens doutrinistas que praticavam certo tipo de defesa, fanaticamente, com a finalidade de conseguir essa união e tinham como lema: 

-Amar a Pátria;

-Confraternização mútua;

-Não recuar um só passo na luta;

-Respeitar os pais e

-Ajudar os fracos. 

Com essa filosofia nasceu o HAPKI-DO que foi responsável pelo engrandecimento da civilização de SIN-LA durante todos os anos de sua existência.

Começa aí  o Império Kório (Coréia). Naquela época, se criavam e praticavam vários tipos de lutas que eram ensinadas nos exércitos, entre elas:

YU-SUL (tipo de Judô)

SU-BAK (tipo de Sumo)

HAPKI-DO (que já na época, defendia-se de todas as lutas)

Os nossos trajes atuais de lutas, são cópias fiéis dos trajes daquela época. Hoje, as faixas representam graus de hierarquia, porém, naquela época, representavam as várias classes sociais. 

O Hapki-do foi escolhidos pelo próprio Imperador para fazer parte do treinamento de sua guarda de honra. 

Foi escolhido o HAPKI-DO, porque era a única luta que possuía 25 tipos de técnicas e defendia terceiros. Enfim, era e ainda é a luta mais completa.

Passados mais de 500 anos, o general LEE SUNG KIE fundou o Império YI DO tomando o lugar do Império KORIO. Mandou então matar todos os praticantes de defesa pessoal. Em conseqüência disso, os praticantes dessas lutas foram se esconder nas montanhas, alguns escapando, outros morrendo. Mas o HAPKI-DO continuou. 

HAPKI-DO;

KUM-DO (esgrima);

YO-DO (tipo de Judô) e

TEA KIUM (tipo de Karatê)

Depois da Primeira Guerra Mundial, foi criada a R.O.K (Republic of  KOREA), na qual foi adotado o HAPKI-DO para o treino da guarda pessoal do Presidente da República.

Após a Segunda Guerra Mundial, o HAPKI-DO que até então era uma luta reservada para a presidência e para os nobres, passou a ser conhecida pelo povo. 

O HAPKI-DO possui cerca de 3.876 golpes  incluindo chutes, saltos, socos, torções, balões, defesa contra faca, manejo de bastões, espadas, etc. 

      Hierarquia das Faixas 

      8º  ao 7º Gub - Faixa Amarela

      6º  ao 4º Gub - Faixa Azul

      3º  ao 1º Gub - Faixa Vermelha

      1º  Dan - Faixa Preta

 

O HAPKI-DO inspira-se em certos princípios que são rigorosamente respeitados por seus adeptos. Por isso, é a luta mais popular da Coréia.

 

O HAPKI-DO, hoje, é praticado em quase todo o mundo. Foi difundido no Brasil após o ano de 1.970, pelo Grão Mestre PARK SUNG JAE que ensinou, em princípio, quase 200 homens do Exército Brasileiro foi incentivado pelo Coronel Paulo da Silva Freitas, sendo logo depois de condecorado patrono do HAPKI-DO no Brasil. O Grão Mestre PARK SUNG JAE é Secretário Geral da Confederação Internacional e comanda uma rede de academias no Brasil.

Está  academia é a mais antiga em funcionamento, com 31 anos de existência, e é administrados pelo mestre Song Un Kim 8o Dan, Bi-Campeão Mundial, Medalha de Ouro na Korea em 1990 e Medalha de Ouro e Prata no México 1993. Atualmente administra cursos de Acupuntura e massagens em diversos locais. 

Hapki-do não é  apenas mais outra arte marcial ou uma mera combinação de outras artes ou técnicas de lutas. Porém, antes de entender o que é Hapki-do, faz-se necessário entender o que é o "Hap Ki". Hap ki significa uma combinação harmoniosa de (KI) "energia vital interior", não apenas a sua energia, mas a de seus colegas de treino, ou mesmo seu oponente. 
 
Quando observamos o KI universal, vemos o que conhecemos por energia Yin e Yang; pois é algo que a natureza cria, o fluxo do Yin e Yang, etc. Numa alternância infinita entre os dois.

Este "KI" gerado é um mistério da natureza que o homem tenta usar a seu favor, a força natural do HAP KI. O Hapki-do envolve estratégias usando o principio do "Hap Ki" na execução de seus movimentos.  
O "KI" sempre flui em círculos. Hapki-do envolve todos os seus movimentos com fluxo circulares, sem uso de força ou de técnicas traumáticas, que gerem conflitos ou confrontos diretos, sem harmonia. O universo se move circularmente, e no mesmo contexto o Hapki-do usa os movimentos circulares sem o uso da força como base para todas suas técnicas. Quando trazemos nosso oponente para dentro de nosso círculo imaginário (próximo a nós) ou o "adaptamos" a nosso próprio círculo de alcance, teremos o controle total sobre nossos oponentes.  
Estes movimentos tampouco são violentos ou lineares; eles são certamente muito suaves gentis e sempre circulares. Assim, quando se faz e se torna o centro produzindo um fluxo como um redemoinho de água, como se originando de dentro (do centro) de um furacão, a energia perfeita dos movimentos faz com que alcancemos uma paz profunda interior indescritível.  
O Hapki-do possui muitas torções, chaves estranguladoras, socos, perfurações, que são usadas para controlar o oponente, bem como uma vastidão de chutes e técnicas de bater (traumatizantes). Muitas escolas de Hapki-do ensinam técnicas com armas brancas para os alunos mais graduados, como bastões longos, médios e curtos, facas, faixas, panos, nunchacos, cordas, leques, lanças, e vários tipos de espadas.  
Os movimentos do Hapki-do seguem alguns princípios naturais, que quando praticados com empenho e dedicação levam o praticante a atingir a perfeição dos mesmos. Estes movimentos fazem a grande diferença entre o Hapki-do e as outras artes marciais.

 

Hapki-do se faz necessária compressão de três palavras distintas:

 

Hap - Combinar, Unir, Coordenar, Para Harmonizar.

Ki - Força Interior, Energia Vital, Força, Energia Dinâmica.

Do - O Caminho, O Sistema, O Método.

O currículo abaixo é  o atual, ensinado pelo Hapki-do:

1. Ho Shin Do Bup (técnicas básicas de defesa pessoal) 
2. Moo Ye Do Bup (técnicas com movimentos estritamente circulares) 
3. Su Jok Do Bup (técnicas traumatizantes) 
4. Kyuk Ki Do Bup (técnicas de combate com oponentes) 
5. Ki Hap Do Bup (técnicas de concentração e energização espirituais) 
6. Byung Sool Do Bup (técnicas com armamentos)  
7. Su Chim Do Bup (Manipulação e uso de pontos de pressão) 
8. Hwan Sang Do Bup (Técnicas de visualização de movimentos)

Os modos do HAPKIDO e a forma como ele se apresenta parecem ser de outro mundo, e muitas de suas técnicas são estranhos, para todas as artes marciais. 

Hoje em dia existem varias academias no Brasil, e o Hapki-do continua se expandindo.

  

"É  melhor praticar uma técnica milhares de vezes, do que aprender um milhão de técnicas e praticá-las apenas uma vez." - Grão Mestre MYUNG Jae Nam

 

Acupuntura
 

A acupuntura e a técnica mais antiga que existe, parti do conceito de que o desequilíbrio se deve à má distribuição de energia pelo corpo, sendo assim aplicam-se algumas agulhas para ativar alguns pontos de acupuntura para equilibrar yin e yang dos órgãos e vísceras.

Cada Órgãos e Vísceras têm uma função energética diferente da função alopática.

Na Antigüidade, os chineses haviam comprovado que um órgão do corpo humano, alterado em seu funcionamento, deixava sensíveis, certos pontos de revestimento cutâneo. A localização desses pontos (situados nos mesmos lugares em todas as pessoas) variava de acordo com o órgão afetado. Concluíram assim que cada órgão correspondia pontos específicos, demonstraram então que uma ação sobre esses pontos repercute sobre o órgão correspondente, produzindo um alívio.

Esses pontos constituem uma espécie de cadeia, como se uns fossem a continuação de outros. Unindo-os por traços imaginários obtêm-se linhas longitudinais denominadas passagem, canais ou meridianos.

Os meridianos estão relacionados aos órgãos diretamente. Inserindo uma agulha em um determinado ponto de um meridiano, tem a sensação de que algo esta transitando entre eles, os chineses chamam de Qi, que significa energia.

Restaurar o equilíbrio energético 

A energia circula através do organismo, meridiano a meridiano, de forma regular, distribuindo-se harmoniosamente e segue o seguinte percurso diário: das 3 às 5h, passa pelo meridiano dos pulmões (P); das 5 às 7h, do intestino grosso (IG); das 7 às 9h, do estômago (E); das 9 às 11h, do baço pâncreas (BP); das 11 às 13h, do coração (C); das 13 às 15h, do intestino delgado (ID); das 15 às 17h, da bexiga (B); das 17 às 19h, dos rins (R); das 19 às 21h, da circulação-sexualidade (CS); das 21 às 23h, do triplo-aquecedor (TA); das 23 à 1h, da vesícula biliar (VB); da 1 às 3h, do fígado (F).

Os desequilíbrios são conseqüências naturais da má distribuição de energia. Alguns sintomas da falta dessa energia são: sensação de vazio, fraqueza, insatisfação, insegurança, desânimo, frio, suor, agressividade, agitação dor, calor, e outros...

A acupuntura tem por objetivo reequilibrar a circulação de energia no organismo, tornando-o harmônico, pois constitui no princípio básico da ordem universal. A saúde é o resultado do equilíbrio dessas duas forças (Yin (negativo) e Yang (positivo), que ativam os corpos).

O Yin e Yang expressam-se em todo e qualquer nível de existência, com alternância de cada força.

Alguns elementos Yang são: a luz, o calor, o verão, o vermelho, o homem, a atividade, o sistema nervoso simpático, as partes superficiais do corpo. O elemento Yin é: o escuro, o frio, o inverno, o azul, a mulher, o sistema nervoso parassimpático, as partes profundas do corpo e outros.

O intestino delgado, o intestino grosso, a vesícula, o estômago, a bexiga e o triplo-aquecedor são órgãos de Yang. O coração, os pulmões, o fígado, o baço, os rins e a circulação-sexualidade são órgãos Yin.

Alguns físicos descobriram que a teoria oriental de que não existe distinção entre matéria e energia está certa, elas são consideradas dois pólos de uma mesma unidade.

Para análise, uma técnica peculiar

 Yin e Yang são duas forças que condicionam a vida de cada indivíduo e o seu estado de saúde, a pergunta que se faz ao especialista de acupuntura é: qual órgão esta deficiente e qual órgão apresentam um excesso de vitalidade? Dá-se, então o analise, na qual, usam-se alguns métodos: ver o cliente escutá-lo, perguntar, apalpar seu corpo nos pontos  ou LO (pontos de alarme) e leitura pelo pulso, todos eles são importantes.

O analise do pulso é realizado na artéria radial do punho. E requer silencio e tranqüilidade. Os três dedos têm que se manter como um arco, com as pontas bem alinhadas e se examina o pulso com a polpa dos dedos. A distancia dos dedos depende da estatura do cliente: É dividida em três zonas, cada qual com uma posição superficial e outra profunda.

Coloque levemente a polpa de um dedo sobre a artéria radial, em cada uma das três posições, é possível perceber que a sensação obtida difere em cada local – com exceção de pessoa em perfeito estado de saúde (se a pressão for gradualmente aumentada chega-se a um ponto onde a sensação ou percepção torna-se diversa). Se os pulsos da primeira posição apresentar vibrações mais fortes do que os da terceira, quer dizer que o Yang esta mais poderoso do que Yin, e vice-versa.

Na mão  esquerda, com pressão superficial, faz-se a análise do intestino delgado, da vesícula e da bexiga; com pressão profunda faz-se análise do coração, fígado e rins. Na mão direita, com pressão superficial o intestino grosso o estômago e o triplo-aquecedor, com pressão profunda o pulmão, baço/pâncreas e a circulação-sexualmente.

As pulsações podem ser classificadas em: a) alteração de freqüências b) ritmos c) superficial ou profunda; d) lisa ou grossa; e) cheias ou vazia; f) longa ou curta e etc.

Tanto para se realizar um tratamento ou realizar uma simples análise, é  imprescindível o conhecimento dos meridianos, da origem de seus pontos principais e das leis que regem esta forma de terapia.

Existem doze meridianos que estão relacionados a doze órgãos. As demais partes do organismo encontram-se sob controle de um ou mais desses órgãos. Assim sendo, esses doze órgãos – ou funções corporais são considerados primários, e os outros secundários.

Os meridianos são bilaterais, um em cada lado do corpo, sendo classificados como profundos e superficiais, de Yin e de Yang. Os meridianos profundos de Yin são os do coração, da circulação-sexualidade e dos pulmões. Meridianos superficiais de Yang: do intestino delgado, do triplo-aquecedor e do intestino grosso. Meridianos inferiores de Yin (de dentro para fora): do baço/pâncreas do fígado e dos rins. 

 
 

Discussão 

 

Hapki-do como é uma arte marcial muito antiga que tem mais de 3500 anos de existência, não se sabe realmente quem foi o mentor da arte. Existem varias teorias. 

Hoje em dia, vários mestres, modificaram a arte tradicional de hapki-do para falar que e o mentor, e alguns modificaram até o nome e outros colocaram outro nome para falar que e um estilo diferente de Hapki-do.  

Mas no fundo aqueles que realmente conhecem a Arte Marcial Hapki-do eles trabalham com acupuntura e terapia corporal (obs. "massagem" é termo inadequado à legislação brasileira e mercado).  

São aqueles que só usam o nome Hapki-do para se promover, não sabe nem onde fica um ponto de acupuntura.   
 

Conclusões 

 

Posso afirmar que acupuntura e Quiropraxia têm relação direta com Hapki-do para equilibrar a sua energia interna e para imobilizar e neutralizar os seus oponentes, fazendo gerar muita dor e sofrimento utilizando compressão nos pontos de acupuntura e alterando a sua função biomecânica da coluna.

Hapki-do e excelente em tratamentos preventivos para alongamento das articulações e melhorando sistema cardiorrespiratório.

Excelente para tratamento da dor e da sua causa.

Podemos provar realizando alguns golpes nos pontos de acupuntura, verificando aumento da sensibilidade e diminuição da resistência do local (sem machucar, claro).

Podemos pressionar alguns pontos para mostrar anestesia do local, para tirar a dor, ou melhor, a hiper sensibilidade do local.

O hapki-do e uma luta Arte Marcial Coreana que usa pontos de Acupuntura para Neutralizar oponentes e também serve para equilibrar a desarmonia da energia utilizando os mesmos pontos de Acupuntura.

Por isso Hapki-do e utilizado na Coréia em forças armadas, Policia, Guarda Costa e quando se fala em proteger  alguma pessoa ou alguma coisa e utilizado Hapki-do. 
 

Referências bibliográficas 

 

Hapki-do: Hoo sin sool.

Seul,Korea 1987. 

Hapki-Moo ye do.

Seul,Korea 1979. 

Self Defence Martial Art.

Seul,Korea 1987 

Hoo sin Moo ye do.

Seul,Korea 1979. 

General Description of Hapki-do.

Seul, Korea 1986. 

Última atualização:
2009-06-28 12:41
Autor: :
Song Un Kim - CRT 23108 - Terapeuta Holístico
Revisão:
1.0
Avaliaçãoo mídia: 4.89 (37 Votos)

Não pode comentar este artigo

Chuck Norris has counted to infinity. Twice.